sábado, 25 de fevereiro de 2017

Guarany de Sobral: Campeão Brasileiro Série D (2010)



Bom dia, Boa tarde, Boa noite! Meu nome é Carlinhos Alves, direto de Fortaleza chegamos a sua casa, com o FutCearaCast. Um podcast que fala de futebol, de história, de notícias dos clubes, de entrevistas e demais curiosidades do futebol cearense.
Hoje vamos contar a história do título do Guarany de Sobral em 2010 pela Série D (de dado).

       O torneio da 4° divisão do Brasileirão estava na sua segunda edição e contou com 40 equipes, foi 436 gols em 164 partidas, uma média de 2,66 gols por partida. O artilheiro da competição foi Danilo Pitbull, com 11 gols. Uberaba (MG) tiveram o melhor desempenho da primeira fase com 18 gols, Operário e Santa Cruz na primeira fase tiveram a melhor defesa levando apenas 3 gols cada.
            O Guarany de Sobral liderou seu grupo na primeira fase, já o América (AM) ficou em segundo lugar no grupo A1. O time de Sobral estreou em casa, contra o Sampaio Correa, no dia 18 de julho, no Estádio Junco, para um público de 1.312 torcedores e não passou de 0 x 0.
            Na segunda rodada, no Albertão, no dia 25 de julho, o bugre sobralense, enfrentou o Flamengo (PI) e ficou no 2 x 2. Danilo Pitbull abriu para o rubronegro cearense, Rony empatou para o time piauiense. Depois Alberto colocou de novo o Guarasol em vantagem e no fim da partida, Ricardo Oliveira deixou tudo igual.
            Na terceira rodada do Grupo A3, no dia 31 de julho no Estádio do Junco, o Guarany de Sobral desencantou e venceu o JV Lideral por 4 x 0, diante de 7.057 torcedores, os gols da partida foram de Alberto, Danilo Pitbull, Jean e Leandro.
            No dia 07 de agosto, no estádio Frei Epifânio, Imperatriz no Maranhão, para 835 almas presentes, o time do interior cearense conheceu sua primeira derrota. 3 x 0 para o JV Lideral, gols de Daniel Barros, Valdanes e Toninho.
            Na quinta rodada, no dia 15 de agosto, jogando em casa novamente, o Guarany se redimiu perante sua torcida e aplicou uma goleada sobre o Flamengo (PI), por 5 x 0, com dois gols de  Wanderley, dois de Pitbull e um de Bruno Maranhão, estava garantida a classificação.
            Na última rodada, no dia 22 agosto, um empate em 2 x 2 com o Sampaio Correa garante o primeiro lugar do grupo, no estádio Nhozinho Santos. Silvio fez o primeiro gol pelos maranhenses, depois Danilo Pitbull empatou. Célio Codó colocou o Sampaio na frente de novo e no fim Marcos Túlio deixou tudo igual.
            O América do Manaus estreou no dia 18 de julho e venceu por 3 x 1 o Cristal, com  gols Charles duas vezes e Carlinhos para os amazonenses. Na segunda partida, 3 x 3 com o Cametá fora de casa no estádio Parque Bacurau, com dois de Charles e um de Ivan.
            O mecão, no dia 1° de agosto, empatou em casa, com o Remo, com gol de Guará. Na quarta rodada perdeu para o mesmo Remo por 1 x 0 fora de casa. Na quinta rodada empatou de novo em casa, 0 x 0, com o Cametá. E na última rodada da primeira fase, no dia 22 de agosto venceu o Cristal por 2 x 1 de virada, com gols de Bigú e Batista.
            Na segunda fase foi só emoção contra o Santa Cruz, primeiro jogo no Arruda 50 mil pessoas viram, o Guarany sair na frente, aos 19 e 24 do primeiro tempo, com Leandro Cardoso, depois Joélson e Alysson duas vezes viraram para os pernambucanos e Jackson ampliou e no fim  Danilo Pitbull diminuiu para o cearense, placar de 4 x 3 para o tricolor de Recife.
            No dia 12 de setembro, 4.756 pessoas viram o Guarany de Sobral ganhar de 2 x 0 e eliminar, o Santa Cruz (PE), com gols de Danilo Ptibull, Léo Olinda.
            O time de Manaus, venceu em casa o Mixto por 3 x 1 com gols de Luis Carlos e Charles duas vezes. Na partida volta perdeu por 4 x 2, gols de Charles e Clailsson, mas como tinha feito mais gols fora de casa se classificou.
                        Na terceira fase, o Guarany de Sobral venceu a primeira partida por 3 x 2 contra o Sampaio Correa. Wanderley fez aos 7 minutos, Thiago Miracema, aos 25 empatou para os maranhenses, Deca ampliou para os sobralenses, Elanardo deixou tudo igual e Jhony deu números finais à partida.
            No jogo de volta, o empate de 1 x 1  dá a classificação do Guarany de Sobral com gol de Danilo Pitbull de novo.
            Na terceira fase, o América venceu por 1 x 0, o Vila Aurora, com gol de  Batista em casa, no dia 26 de setembro e perdeu depois fora de casa por 3 x 0. Mesmo assim se classificou com o índice técnico em oitavo lugar.
            Nas quartas de final, o Guarany de Sobral foi a Rondonópolis e enfrentou o Vila Aurora, no estádio Germano Kruger e venceu por 2 x 0. Com gols de Odil e Wanderley.
            Na partida de volta, em casa, o Guarasol venceu de vira o Nova Aurora, no dia 17 de outubro, Dinei abriu para os mato-grossenses, depois Danilo Pitbull e Jonhy decretaram números finais ao placar.
            O Joinville (SC) era o favorito, mas o América surpreendeu e venceu a primeira em casa, por 2 x 1, gols de Batista e Edinho e depois na Arena Joinville, no dia 17 de outubro ficou no empate em 1 x 1, com gol de Luiz Carlos.
            Nas semifinais, o Guarany de Sobral empatou duas vezes com o Araguaina. 2 x 2 fora de casa e 0 x 0 em casa, classificação por nível técnico e gols que fez fora de casa.
            No dia 24 de outubro jogando em casa, o América foi surpreendido e perdeu por  2 x 1. O gol foi de Rodrigo. Fora de casa venceu de 2 x 0, com gols de Felipe. O interessante é que não havia torcida desses times. Públicos mínimos no estádio. Juntando as duas partidas só compareceram 265 pessoas. O time adversário era o Madureira.
            Na primeira partida da final, o América e o Guarany ficaram somente no empate, no dia 07 de novembro, perante 668 pessoas. Gol de Vanderley para o time cearense e Edinho para o clube de Manaus.
            O jogo decisivo aconteceu no dia 14 de novembro no Junco, com 7950 pessoas presentes. E o cacique do vale, não tomou conhecimento do adversário, 4 x 1. Danilo Pitbull, Júnior Alves, Wanderley e Johny marcaram e descontou para o visitante Clailsson.
            A formação base do Guarany de Sobral comandado pelo Oliveira Canindé foi de Vantuir, Alberto, Tobias, Júnior Alves, Ricardo Baiano, Carlos, Thiago Granja (Diones), Bismarck, Danilo Pitbull (Léo Olinda) e Wanderley (Jean).

            Narração e edição: Carlinhos Alves, para Luis Torquato e Cid Gomes.
           
            Fonte:





Postar um comentário