quinta-feira, 28 de julho de 2016

Aprenda a usar um aplicativo que vai lhe mostrar como entrar em sites com a câmara do seu aparelho celular

Tecnologia

                                          
Você já olhou para essa figura quadrada com pontinhos pretos e brancos e se perguntou para que serve essa ferramenta? Eu já fiz muito isso. Essas imagens estão espalhadas pelas revistas, jornais, nas propagandas na cidade e até em canteiros de obras municipais, estaduais e nacionais. Para quem não conhece o QR Code é um código de barras em 2D que surgiu em 1994 pela empresa japonesa Denso-Wave para catalogar peças na produção de veículos automobilísticos. A sua função desde 2003 tem sido principalmente ajudar o portador de celular com câmara fotográfica a acessar conteúdos como textos ou páginas da internet. É bem simples hoje quase todos os celulares com android, ou smartphone tem o Play Store, onde pode se baixar os apps.
Você entra e procura por "QR Code" e faz o download dele no seu aparelho e então toda vez que vê uma imagem como essa podes então ter acesso as informações daquele produto, que pode ser uma obra de arte, um conteúdo há mais de um livro, de um brinquedo, ou algo que você acabou de comprar. Nessa edição do Jornal de Paraipaba disponibilizamos para que veja o código que vai ter acesso direto ao nosso conteúdo online, disponível na nossa Fan Page do Facebook, basta apontar a câmara para essa figura abaixo e ter acesso direto via celular mobile ao que produzimos em destaque nesse impresso. Na imagem vai aparecer a página do Facebook, que diz a frase "olá obrigado por digitalizar", ai você curte a página e embaixo você entra onde tem uma seta que diz "visite-nos diretamente". Pronto assim já estará na página do Jornal de Paraipaba.
                           


Você também pode criar o QR Code para seu material impresso. Só entrar nesse link (http://br.qr-code-generator.com/) e inserir sua URL e assim transformar sua página no código que as pessoas depois poderão acessar. 

Matéria no Jornal de Paraipaba versão impressa de julho feita por mim: 

Postar um comentário