sexta-feira, 14 de março de 2014

Copa do Mundo: O melhor momento de mostrar a nossa cultura

Em todo lugar do mundo, existe algo que nos chama a atenção. Seja um ritmo musical, uma obra prima, uma escultura, ou um grande monumento. As pessoas se orgulham de saber que no seu país existe algo belo aos olhos de outra cultura.

Aqui no nosso Brasil, temos muitas belezas naturais e artísticas. No Norte, temos o tecnobrega, o calypso, o carimbó, a festa do Boi Bumbá (Festival de Parintins), tem comidas típicas, feitas de cupuaçu, bebidas energéticas como o Açaí. Isso só no Norte, onde a Copa vai ter oito jogos na Arena Pantanal, em Cuiabá e na Arena Manaus, no Amazonas.

Nordeste


            Imagine no Nordeste, de vários ritmos diversificados, como o forró, o axé, o frevo. O carnaval em Salvador com o trio elétrico, o São João em Campina Grande-PB e Caruaru-PE, além do ano todo de sol e praias lindas em Fortaleza, Jericoacoara-CE, Natal-RN, Maceio-AL, entre outras tantas cidades.

Não podemos esquecer o acarajé, camarão, caranguejo. No Ceará ainda temos o humor de montão, com gente engraçada se apresentando todo o dia nas barracas e teatros da capital alencarina. A Região receberá 21 jogos do Mundial, no estádio Castelão, nas Arenas Dunas, Pernambuco e  Fonte Nova.

Sul e Sudeste


            Para não esquecer o que podemos compartilhar com os nossos visitantes, vamos ao Rio de Janeiro, com o Cristo Redentor, Ipanema; além de samba a vontade, o carnaval com as escolas de samba, fazendo a alegria dos foliões que visitam a capital fluminense.

São Paulo, nem se fala, que é rica por patrimônios históricos e boas restaurantes e também boas casas de show e bom teatro. Ai penetramos em Minas Gerais, com cidades tombadas pelo patrimônio cultural, como Ouro Preto, Tiradentes. 

O Rio Grande do Sul, com o seu chimarrão, churrasco. Além do Festival de Cinema de Gramado, October Fest, etc. As duas regiões vão contar com grandes jogos, ao todo são 28 partidas eletrizantes.

Centro-Oeste


            Por fim temos Brasília, capital federal, com sete jogos. Lugar que abriga os três poderes, o Rock Nacional, dentro do Estado de Goiás, reduto da música sertaneja. 


Trabalhar juntos

            Só podemos ver com otimismo a Copa do Mundo no Brasil, pois apesar das desigualdades e violência, temos muito a "vender" do nosso país, que mesmo em anos sem grandes eventos sempre é presenteado com a visita do turista estrangeiro.
            Uso uma frase, já conhecida, "roupa suja se lava em casa", pois na hora de se unir, podemos mostrar o quanto somos bons e que os do contra a Copa, afinal são contra o Brasil, pois querem destruir o que nossa alma sempre desejou um titulo no país do futebol.

            Vemos que certos setores da imprensa, da política, estão querendo lutar para dar errado e vêem defeito em tudo. Aproveitaram-se até da manifestação para jogar o povo, contra o governo, mas no fim eles acabam se queimando, pois o brasileiro que ama futebol já comprou quase todos os ingressos para a Copa do Mundo de Futebol.
Postar um comentário