sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

Porto em Cuba é vitória brasileira no Caribe afirma diretor da Fiesp

Diferente do que a jornalista Rachel Sheherazade do SBT falou, o Porto feito em Cuba com recursos "brasileiros" é uma oportunidade, diz o diretor da Fiesp, Thomaz Zanotto, falta o Brasil ter uma inserção maior no Caribe. O Porto foi construído com dinheiro de empresas privadas e não públicas como se referiam a neocon de direita.
A empresa envolvida no empreendimento é a Odebrechet.





Postar um comentário