sexta-feira, 5 de julho de 2013

Os meninos da Pipa e a mídia da elite

Lá estava eu indo mais um dia para a Avenida Beira Mar, fazer meu trabalho temporário com turismo, momento de alta estação, tenho que aproveitar as oportunidades que aparecem. Lá eu como sempre lendo algum livro, dessa vez: Grandes Sertões Veredas de João Guimarães Rosa, bela estória sobre a dureza da vida dos jagunços e o amor e luta pela sobrevivência.

            Já se aproximando do cruzamento entre rua: Antônio Sales e rua: Desembargador Moreira me chama atenção aqueles meninos que largam a bicicleta e correm no meio dos carros na pista, parecia um assalto, todos do ônibus olhavam ansiosos, foi quando um dos garotos corre para cima de um carro, seguido dos outros.
Para alívio de todos, os garotos conseguem pegar sua arraia (pipa) e voltam para seguir seu caminho. Comecei a me lembrar das notícias que pipocavam como sempre nos sites pelo Brasil. Algo me chamou atenção, Em quase todos vinha a notícia de que o ministro presidente do STF Joaquim Barbosa usou um avião custeado pelo Supremo Tribunal Federal para ir assistir o jogo da Final da Copa das Confederações no Rio de Janeiro e que seu filho estava agora trabalhando no programa Caldeirão do Hulk da Rede Globo.
Henrique Alves e Joaquim Barbosa

Fiquei pasmo com a notícia, fui procurar no Globo.com, Veja, Estadão e Folha e não vi nada sobre isso, mas farto material falando das viagens feitas pelo presidente do Senado e da Câmara Federal no avião da FAB para ver o mesmo jogo. 
            Lembrei-me, Henrique Alves e Renan Calheiros são aliados ao Governo Federal enquanto, o Joaquim Barbosa é "aliado" da Grande Mídia que o quer proteger, já que ele (STF) não julgou o Mensalão do PSDB muito anterior ao que eles falam do PT e, no entanto todo peso duro é contra petistas e os políticos do PSDB pousam de bom moço.
            Cansei, foi um dia trabalhoso, não consegui fechar nenhum passeio, voltei no ônibus Parangaba /Mucuripe fazendo aquela leitura que falei no começo. E comecei a ouvi r uns gritos vindos de trás do ônibus. Todos começaram a olhar, foi quando o motorista parou o veiculo e perguntou ao trocador que gritos eram aqueles, foi quando ele falou que eram de dois surdos se comunicando, ai todos seguiram a viagem mais calmos.
            Só não consigo ficar calmo com tanta parcialidade da mídia brasileira, que fico estarrecido com essa situação de a Globo sonegar impostos e depois querem pagar de uma emissora ética. As pessoas estão começando a abrir os olhos para tudo e ver como a emissora de Roberto Marinho é tão venal e cara de pau em tentar falar que o dinheiro da Copa era para saúde, educação, etc. Enquanto ela mesma a Rede globo sonega mais de 600 milhões de reais que poderiam servir para comprar muito medicamento e dar uma qualidade melhor para os professores trabalharem.


Postar um comentário