segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Vereador Paulo Diógenes (PSD), propõe projeto de lei que trata familiares de dependentes quimicos

Segundo o vereador, que também é humorista e coordena uma casa de reabilitação de drogados, o projeto de lei, deverá ser oferecido pelos CAPS Álcool e Drogas e contará com uma equipe de assistência social, psicologo e demais profissionais da saúde.

 A lei ordinária n° 32/2013 de sua autoria, institui o Programa Municipal de Acompanhamento e Assistência Psicossocial aos Familiares de Pessoas Dependentes de Drogas Químicas e de Substâncias Psicoativas ela oferece suporte a familiares e parentes de dependentes de drogados e psicoativos, para amenizar o quadro de aflição e sofrimento.
Paulo Diógenes explica: “É fato que em decorrência dos efeitos prejudiciais ao comportamento e ao ambiente familiar na convivência com dependentes, a família e parentes tornam-se codependentes, devendo ser amparadas pela administração pública municipal”
Fonte: Câmara Municipal de Fortaleza
Postar um comentário