sábado, 21 de abril de 2012

Times Cearenses na Copa do Brasil 2012



Na Copa do Brasil de 2012, os times cearenses vivem momentos diferentes. O Horizonte que vem num bom campeonato estadual ocupando a 3° posição na fase classificatória conseguiu eliminar um time de nome no Nordeste: o América de Natal, porém na fase seguinte foi eliminado em casa para o time do Palmeiras de Felipão.

Já o Ceará que conseguiu ainda no comando de Lula Pereira a classificação em cima do Gama por 2 x 0 sem precisar do jogo de volta, encontrou pela frente uma surpresa, o bem acertado time do Paraná que joga apenas a Copa do Brasil nesses meses iniciais, já que o Campeonato Paranaense da 2° divisão ao qual participa ainda não começou. O time de Ricardinho eliminou o Luverdense empatando a primeira por 2 a 2 no Estadio Paco da Ema  no Estado do Mato Grosso e ganhando a segunda por 2 a 0 no Paraná.

No Primeiro jogo entre Ceará e Paraná no PV se esperava uma vitória fácil do time cearense comandado por PC Gusmão. Foram inúmeras oportunidades criadas pelo time alvinegro, porém as chances perdidas na cara do gol foram maiores ainda. Mota perdeu dois gols feitos, Apodi lateral direito do Ceará também pecou pelo excesso de individualismo, quando poderia cruzar para os companheiros preferiu chutar a gol, só que com o pé torto.
Com o passar do primeiro tempo o Paraná foi ganhando confiança, mas não conseguia ameaçar o gol de Fernando Henrique. O Ceará pressionou tanto que acabou fazendo um gol através de Felipe Azevedo num belo chute de fora da área. Após esse gol a defesa do Ceará bobeou e cedeu o empate e depois a virada. Apartir dai o time paranaense começou a tática do anti jogo com um cai cai e simulação de faltas e de contusões. Claro não podemos negar que muitos jogadores do Paraná realmente estavam sentindo a falta de ritmo de jogo e por isso alguns tinham câimbra.
Com a entrada de Romário no 2° tempo no lugar de Mota o ataque ganhou mais velocidade e o Ceará empatou com o próprio Romário no fim do jogo. Com a vantagem em Fortaleza o Paraná apenas administrava a partida( que ocorreu nesta quarta dia 18 de abril) com o apoio da torcida. A tática continuou a mesma cair e simular faltas, isso fez com que os jogadores do Ceará fossem advertidos com cartões amarelos constantemente.

Com um time superior o Ceará tentava colocar a bola no chão, porém o nervosismo imperava no Vozão. Quando Romário entrou no lugar de Felipe Azevedo o time ganhou mais mobilidade em campo e com um passe do jovem atacante para Rogerinho o Ceará abriu o placar e começava a garantir a vaga para próxima fase da competição. Por milagre os jogadores do Paraná deixaram de cair em campo e passaram a correr desesperados em busca do gol. 
 
Faltavam poucos minutos para o fim da partida, quando uma fumaça começou a cobrir todo o estádio. Tática da torcida para atrapalhar a vizualização do jogo? O Certo mesmo é que num vacilo da zaga alvinegra o jogador.... sozinho deu um chutaço indefensável para o goleiro Fernando Henrique. Ai de novo o Paraná começou o cai cai e não teve jeito, Ceará eliminado.Já que o Paraná fez mais gols na casa do adversário.
Antes da competição a Diretoria do Ceará já avisava não priorizar a competição, pois seu objetivo maior seria subir para a primeira divisão do Campeonato Brasileiro. Pior apenas foi perder o dinheiro que seria ganho enfrentando o Palmeiras, no caso R$ 700.000, porém foi bom para o time que ficou mais tranquilo para se focar nas suas prioridades.
O Fortaleza time da 3° divisão do futebol Brasileiro comandado por Nedo Xavier na primeira fase eliminou o Comercial do PI em dois jogos. No primeiro no dia 07 de marco no Albertao o Fortaleza venceu por 3 a 2 e no jogo de volta no dia 21 de marco no PV foi 3 a o para o Leão.
 Depois na outra fase enfrentou o Naútico em duas partidas. Se esperava um jogo muito duro e provavelmente a classificação do time Timbu, porém o Tricolor de Aço surpreendeu com um futebol envolvente e com uma facilidade de chegar ao gol do time pernambucano.Geraldo foi o grande articulador do time e Kaue o velocista que puxava os contra ataques. Pareceu fácil, mas o Naútico chegou a assustar em alguns momentos, esse primeiro jogo no PV terminou de 4 a 0 para o Leão. Levou grande vantagem para os Aflitos e conseguiu administrar a derrota de de 2 a 1. 
 
Realmente foi uma surpresa o Fortaleza se classificar para as oitavas de finais da Copa do Brasil e agora enfrenta o Grêmio do treinador Wanderley Luxemburgo. A primeira partida será no dia 02 de maio no PV e a decisão no dia  10/05 no Olímpico.
Como o Fortaleza disputa apenas o cearense e a terceira divisão, será uma bom momento de enfrentar um adversário um pouco melhor e com um histórico internacional. Além de trazer renda para os cofres leoninos.

Postar um comentário