quinta-feira, 7 de agosto de 2008

Juventude e Política




Ano importante de eleições municipais e de novo estamos nos preparando para escolher os novos gestores por todo o país, juntamente com os legisladores. Candidatos a prefeito e a vereador estão na rua mais uma vez em busca de nosso precioso voto. As propagandas estão se espalhando nas ruas, nos muros, nos cruzamentos da cidade e também nas feiras de nossa amada Fortaleza.
                           


            Os grupos políticos fecham suas alianças que mais convêm a seus interesses eleitoreiros. Quase tudo é decidido na cúpula, às bases estão mais seguindo e acatando decisões do que escolhendo e exercendo seus direitos de militante. Claro que o que é bom deve ser seguido, porém devemos entender que as pessoas são capazes de decidir se essas são realmente as propostas certas, não precisam ser manipuladas e pressionadas de forma alguma.


O jovem nesse período é alvo de várias candidaturas que torpedeia ele querendo seu voto. Por isso a importância de sua participação ser mais crítica e consciente, apoiar aquele candidato que têm uma vida pregressa coerente com o cargo que quer ocupar, saber quais as propostas do candidato e cobrar dele depois de eleito. Esse é o momento de o jovem saber em quem votar.

             Candidatos que pedem seu voto em troca de tijolos, telhas, dentadura, óculos, ou qualquer tipo de brinde devem ser denunciados e não ter o direito de seguir o futuro crime quando assumir o poder. Fique atento, pois quando você vende seu voto, depois não poderá cobrar do candidato eleito nada, pois ele já lhe deu o que cabia.

            A juventude deve ser valorizada e usada para o bem comum sem medo de ser feliz, levantando uma bandeira de construção de uma sociedade que perceba a importância da inversão dos recursos que sejam voltados para classes menos favorecidas e que possa dá chances iguais para que o jovem mais pobre possa conseguir fazer uma faculdade, cursos técnicos ou profissionalizantes e ter espaço nas vagas para o trabalho.

            Seria interessante se pudéssemos votar tudo nulo, pois o problema não são os candidatos, mas o sistema capitalista, porém como não é possível, votemos em quem acreditamos que pode pelos menos brigar por todos os cidadãos e melhorar nossa cidade, transformando em mais bela nossa cidade.


Postar um comentário